Assembleia elege dois novos integrantes e reconduz Talita Porto para Conselho de Administração da CCEE

Assembleia elege dois novos integrantes e reconduz Talita Porto para Conselho de Administração da CCEE

Os associados da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica - CCEE aprovaram por unanimidade, nesta quarta-feira (15/4), durante a 21ª Assembleia Geral Ordinária, a recondução de Talita Porto para o Conselho de Administração, assim como elegeram dois novos integrantes para a coordenação da instituição. Marcelo Loureiro, atual diretor da Associação Brasileira dos Investidores em Autoprodução de Energia - Abiape, e Marco Delgado, diretor da Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica - Abradee, assumem como conselheiros a partir de maio.

Além de reconduzida, Talita Porto foi escolhida como vice-presidente. Marco Delgado substitui Solange David, que cumpriu dois mandatos à frente da instituição. Já Ary Pinto esteve na CCEE de 2014 a 2020, encerrando seu segundo mandato no fim de abril, substituído por Marcelo Loureiro.

Os novos conselheiros se unem a Rui Altieri, presidente do Conselho de Administração, reconduzido no ano passado, e Roseane Santos, também eleita em 2019 para um primeiro mandato.

"A CCEE está muito bem estruturada, com governança e gestão bem definidas. Cada um vai contribuir a sua maneira para que a instituição continue a cumprir seu papel de ser a casa do mercado. Os novos conselheiros são muito experientes no setor e a recondução da Talita Porto nos brinda com mais quatro anos de seu conhecimento", disse Altieri.

Os agentes também definiram os novos integrantes do Conselho Fiscal. Maurício Roncheti (Copel) e Rachel Marcato (Neoenergia), que já eram suplentes, assumem como membros titulares, junto com Leonardo Landim (Eletrobras). O trio terá o apoio de Ana Gabriela Manes (Engie), Olival Schultz (Cemig) e Mariane Lohn (Celesc) na suplência.

Durante a Assembleia Geral Ordinária, os agentes também aprovaram, por unanimidade, as demonstrações financeiras da instituição referentes ao ano de 2019 e os relatórios dos auditores independentes, referentes aos processos de contabilização e liquidação financeira das seguintes operações do ano passado: Mercado de Curto Prazo - MCP; Energia de Reserva; Mecanismo de Compensação de Sobras e Déficits - MCSD; Conta-ACR; Conta Bandeiras; Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), Conta Consumo de Combustíveis (CCC), e Conta Reserva Global de Reversão (RGR); e Mecanismo de Venda de Excedente (MVE).

A eleição foi realizada na sede da CCEE, mas com alterações em relação ao formato tradicional, por causa das medidas e protocolos de contenção recomendadas pela Organização Mundial da Saúde, Ministério da Saúde e Prefeitura do Município de São Paulo. A assembleia foi transmitida pela internet e os agentes puderam votar de forma remota.

Perfil dos novos conselheiros

Talita Porto, que foi indicada à reeleição pelo segmento de geração, integra o Conselho da CCEE desde 2016. É engenheira eletricista, com mestrado em Pesquisa Operacional pela PUC-Rio e especialização em Direito da Energia Elétrica.

Tem passagens pela Eletrobras, Cepel, Furnas, PSR, Andrade & Canellas Consultoria, AES Tietê e Renova Energia nas áreas de regulação, comercialização de energia, avaliação de projetos, planejamento da expansão e desenvolvimento de software para planejamento da expansão e despacho hidrotérmico brasileiro.

Entre 2005 e 2009, foi uma das fundadoras da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), tendo sido Superintendente de Geração de Energia. Foi conselheira da Abragel e teve atuações em associações como Abeeolica, Apine e Absolar, de forma a propiciar uma gestão estratégica e proativa dos temas de interesse.

Marcelo Loureiro é engenheiro eletricista pela UFSC, com mestrado e doutorado pelo LabPlan/UFSC em Formação de Preços e Planejamento de Sistemas Hidrotérmicos. MBA em Gestão de Projetos pela FGV e CORe (Credential of Readiness) pela Harvard Business School. Seu nome foi indicado pela classe de consumo, que reúne comercializadoras, consumidores livres e especiais.

Possui experiência em mercados de energéticos (energia elétrica e gás natural) desde 2001: regulação/legislação, formação de preços, comercialização, desenho de mercado, planejamento e operação, pesquisa e desenvolvimento, análise de sistemas, estudos econômico-financeiros, estudos energéticos e créditos de carbono.

Também tem experiência em gestão de processos, equipes e conflitos e participou de projetos em diversos países (Brasil, Argentina, Peru, Nicarágua, Angola e Nepal) e para diversas empresas (CPFL, Tractebel/Engie, ONS, CNPq, Engevix, Desenvix/SNPower/Statkraft e Abiape). Atualmente é diretor de energia da Abiape.

Marco Delgado, indicado pela categoria de distribuição, é engenheiro Eletricista pela UFJF, com doutorado em Planejamento Energético na COPPE/UFRJ. Foi consultor do Instituto Nacional de Tecnologia em projetos de eficiência energética e da Light na área de tarifas. É autor e coautor de diversos livros e publicações na área de regulação econômica. Atualmente é diretor da Abradee.

Como funciona a eleição para o Conselho de Administração

A CCEE é constituída pela Assembleia Geral, que entre as atribuições, é quem elege integrantes do Conselho de Administração e pelo Conselho Fiscal, este último tem a finalidade de fiscalizar os atos administrativos.

A Assembleia Geral é composta pelos agentes de geração, distribuição e comercialização (que inclui comercializadoras, importadores, exportadores e consumidores livres e especiais).

O Conselho de Administração da CCEE é um colegiado constituído por cinco executivos profissionais, eleitos pela Assembleia Geral, com mandato de quatro anos, passível de uma única recondução, não coincidentes para todos os integrantes.

Os votos dos agentes são proporcionais ao volume de energia comercializado por cada agente nos 12 meses, contabilizados e certificados, anteriores ao mês de realização da Assembleia Geral.

Banner

 

Site Login