GE aposta em soluções inovadoras para o setor eólico

geeolica_08.jpgGE aposta em soluções inovadoras para o setor eólico
 
Para a GE, o setor eólico é um dos maiores exemplos de sucesso da indústria dos últimos anos, sendo que já possui parcela representativa da matriz energética do País. Para que continue esta trajetória, pela primeira vez a empresa lança três novos produtos no mercado, com o objetivo de proporcionar maiores índices de geração nos principais centros de produção eólica no Brasil.

As novidades serão apresentadas pela primeira vez durante a Brazil Windpower, que acontece no Rio de Janeiro até 1º de setembro.
“Desde 2009, a GE tem sido uma parceira fundamental da expansão da energia eólica no Brasil. Seguiremos com nossa aposta nesta indústria, por meio de investimentos e inovações para atender ao mercado e nossos clientes.”, afirma Jean-Claude Robert, líder da GE Wind para a América Latina. Para o executivo, soluções customizadas para o País são um grande diferencial para os parques eólicos produzirem mais energia. “Os novos produtos são respostas dos nossos estudos para a realidade brasileira e visam atingir novos patamares produtivos”, revela.
Principais lançamentos
Para atender às especificidades do Brasil, a GE possui em seu portfólio torres de diferentes alturas, possibilitando utilização em qualquer área do território nacional com potencial eólico. “Ao olharmos a relação extração energética e o custo marginal de energia, entendemos que o máximo de eficiência pode ser obtido combinando nossas opções de torre e rotores. Nossos produtos garantem o melhor custo benefício para os clientes”, detalha Jean-Claude.
Durante o evento, a companhia lança duas torres: a de 87 metros e a híbrida de 118. A torre híbrida, desenvolvida em parceira com a GRI Hybrid Towers, é uma solução que une o melhor da tecnologia de concreto com a experiência consolidada em torres de aço, tornando-a mais adaptada ao território brasileiro. Composta por um segmento de 36 metros de concreto pré-tensionado na base e mais três seções de aços, que complementam os 118 metros na altura do Hub, o novo modelo possui layout prático, além de molde simples e fácil transporte.
A GE traz ainda para o mercado os rotores de 116 metros com o objetivo de maximizar a relação entre três pilares fundamentais para a atual plataforma de 2MW: a geração energética, o custo de fabricação e a movimentação das pás. “Esta dimensão do rotor foi idealizada para trazer o máximo de eficiência aos parques eólicos brasileiros. Suas dimensões favorecem desde a logística necessária para a construção dos empreendimentos até a geração”, revela o executivo.
Ainda durante a Brazil Windpower, a GE lançará a turbina 2.5 MW, evolução da linha 2.0-2.4MW, com melhorias nos sistemas elétrico e mecânico.  Levando em consideração as necessidades de cada cliente, sua implantação é feita de forma personalizada, podendo ser utilizada em torres de diferentes tamanhos, a fim de otimizar o recurso eólico dos parques. A utilização deste novo modelo de turbina traz um adicional de até 32% na produção de energia a 8.5 m/s, quando comparada à versão 1.7MW.
O compromisso com o resultado e performance dos clientes brasileiros também se reforça com o oferecimento de serviços digitais, plataformas que garantem um ecossistema eólico dinâmico, conectado e adaptável. Os benefícios dos aplicativos oferecidos pela GE já são reais, uma vez que apresentaram aumento de 5% na produção de energia em um projeto piloto no Brasil. E pode-se esperar muito mais com a integração dos aplicativos e produtos GE, conceito que a empresa chama de digital windfarm.
“Ao desenvolver tecnologias que atendam às necessidades do mercado local, buscamos trazer mais produtividade para a geração de energia eólica, fazendo com que essa fonte tenha cada vez mais espaço na matriz energética brasileira”, finaliza o executivo.

Foto: divulgação
Agência Ideal

Banner
Banner

 

Site Login