industria

Evonik incentiva pesquisa e inovação na área química

18/04/2012 - Evonik incentiva pesquisa e inovação na área química

evonikxx.jpgEmpresa concluiu última etapa do “Concurso de Ideias”, promovido em 2011, premiando vencedora do concurso com uma viagem à sede do grupo, na Alemanha
 
A Evonik, uma das líderes mundiais em especialidades químicas, recebeu em sua sede, na Alemanha, a Engenheira Química Daniela da Silva Damaceno, vencedora da primeira edição do “Concurso de Ideias”, promovido pela empresa em 2011, em comemoração ao Ano Internacional da Química (AIQ).
Com isso, o concurso atingiu plenamente o seu principal objetivo, que foi o de aproximar a empresa do público jovem, abrindo espaço para estudantes de todo o Brasil apresentarem ideias inovadoras e sustentáveis na área química.
Como primeira colocada no concurso, Daniela, graduada pela Universidade de Caxias do Sul (RS), teve a oportunidade de conhecer o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Evonik - Creavis - e o parque químico da empresa instalado na cidade de Marl, além de trocar experiências com profissionais dedicados à área de inovação.
A estratégia da Creavis, centro totalmente voltado à tecnologia e inovação, é desenvolver suas atividades com foco no futuro, criando negócios rentáveis e sustentáveis para a Evonik. Podem-se levar 10 anos para que produtos lá desenvolvidos cheguem ao mercado. Já o parque químico, fundado em 1938, conta hoje com 10.000 colaboradores, dos quais 7.000 pertencem à Evonik.
“Achei muito interessante os laboratórios de pesquisa em biotecnologia da Creavis e as dimensões do parque químico são impressionantes e sua infraestrutura e localização são perfeitas. Acredito que a Evonik deva promover sempre este tipo de ação, pois é um grande incentivo para quem está começando”, destaca Daniela.
 
Incentivo a boas ideias
O concurso promovido pela Evonik teve como objetivo incentivar os novos talentos e fomentar o desenvolvimento de inovações, por meio de soluções criativas e sustentáveis. Para participar do “Concurso de Ideias”, o aluno deveria demonstrar habilidade em adaptar um produto ou material, reinventá-lo e transformá-lo.
A ideia, de autoria própria, deveria propor ao mercado algo inovador e único e foi avaliada por uma comissão formada por alguns professores da4ª Região do Conselho Federal de Química  e profissionais da área técnica da Evonik.
O concurso teve a participação de 39 trabalhos, envolvendo estudantes de diversas universidades do Brasil e o resultado foi anunciado em 18 de novembro do ano passado, durante evento comemorativo realizado em São Paulo, com a realização de palestras, exposição dos trabalhos dos 10 finalistas e a entrega do prêmio à vencedora.
O projeto vencedor apresentou a ideia de uma nova fonte para biodiesel. Sua proposta é de estudar os benefícios do óleo de tungue (VerniciaFordii), uma oleaginosa não alimentícia, ainda pouco utilizada, mas com grande potencial de uso em biodiesel. Em seus estudos, o teor de óleo na semente pode chegar a 40% (g óleo/ g semente). O catalisador proposto para a reação seria o Metilato de Sódio fabricado pela Evonik.
 
Voltada para o futuro
A valorização dos talentos profissionais e os investimentos em pesquisa e desenvolvimento são um propulsor essencial de inovação e sucesso do grupo, que investe cerca de 300 milhões de euros ao ano nessa área. Somente no ano passado, a empresa registrou mais de 250 novas patentes, que já ultrapassam 24 mil invenções para os mais diversos mercados.
A Evonik conta com, aproximadamente, 2.300 pessoas atuantes na área de pesquisa e desenvolvimento, em 35 sites no mundo e 300 projetos de cooperação com universidades e outros parceiros. Atualmente, o foco da Creavis está em estudos sobre gerenciamento de ciclo de vida de produtos, biotecnologia, eficiência energética, proteção climática e energia fotovoltaica. Com isso, a Evonik continua investindo nas megatendências mundiais e moldando as tecnologias do futuro.
 
Informações sobre a empresa
Evonik, o grupo industrial criativo da Alemanha, é uma das principais empresas mundiais no segmento de especialidades químicas. Suas atividades se concentram nas principais megatendências saúde, nutrição, eficiência de recursos e globalização. A essência da estratégia corporativa da Evonik é o crescimento rentável e o aumento sustentado do valor da empresa. A Evonik se beneficia especificamente de seu talento inovador e de suas plataformas de tecnologia integrada.
A Evonik atua em mais de 100 países no mundo inteiro. No ano fiscal de 2011, mais de 33.000 colaboradores geraram vendas em torno de 14,5 bilhões de Euros e um lucro operacional (EBITDA) de cerca de 2,8 bilhões de Euros.
No Brasil, a história da Evonik Industries, começou em 1953. A empresa conta hoje com cerca de 500 colaboradores no País e seus produtos são utilizados como matéria-prima em importantes setores industriais, como: automotivo, biodiesel, borracha, construção civil, cosméticos, farmacêutico, nutrição animal, papel e celulose e plásticos.
 
EvonikDegussa Brasil Ltda.
Informações: (11) 3146.4170
www.evonik.com.br

Site Login