Mercado externo garante faturamento histórico da Fras-le em 2011

randonMercado externo garante faturamento histórico da Fras-le em 2011

O desempenho das exportações e das operações do exterior contribuiu significativamente para impulsionar as receitas da Fras-le no exercício de 2011. A Companhia, integrante das Empresas Randon, atingiu um faturamento no mercado externo de US$ 151,1 milhões, o que representou uma evolução de 16,6% em relação aos US$ 129,6 milhões em 2010 e crescimento de 63,9% comparado ao ano de 2009.
O desempenho se deve, principalmente, à intensificação do processo de internacionalização dos seus negócios, onde o crescimento nos volumes de exportações e das operações do exterior foi expressivo.


As vendas totais da Fras-le em 2011 alcançaram recordes históricos tanto em receitas quanto em volumes, mesmo com taxas cambiais desfavoráveis durante nove meses do ano, influenciando no desempenho das exportações. A receita bruta total antes da consolidação atingiu R$ 751,2 milhões no ano, representando aumento de 8,2% sobre 2010, e de 26,2% em relação a 2009.
A receita líquida consolidada do exercício totalizou R$ 545,6 milhões, aumento de 7,1% sobre 2010 e 27,4% comparado ao ano de 2009. Na composição da receita líquida, lonas de freio para veículos pesados (blocos) representaram 61,6% do total das vendas, enquanto pastilhas de freio tiveram participação de 26,9% e outros produtos, 11,5%.
No mercado nacional, a receita líquida consolidada da Fras-le somou R$ 295,7 milhões em 2011, evoluindo 4,7% sobre 2010 e 19,9% em relação a 2009. Deste valor, R$ 110,2 milhões correspondem a receitas com montadoras, enquanto as receitas geradas com reposição representam R$ 185,5 milhões.
No mercado externo, mesmo com as taxas do dólar menores nos primeiros três trimestres do ano, a receita líquida apresentou uma considerável evolução, chegando a R$ 249,9 milhões, 10,0% superior ao ano de 2010 e 37,6% maior que 2009. Do total de receitas no mercado externo em 2011, R$ 58,6 milhões se referem a receitas geradas pelas operações da Fras-le no exterior.
Em peças foram vendidas 102,2 milhões de unidades em 2011, representando uma evolução de 3,2% sobre 2010, enquanto em peso o crescimento foi de 5,6% para um total de 78,7 mil toneladas comercializadas. Da mesma forma, os níveis de produção atingiram no exercício 103,3 milhões de unidades, e na contagem em peso 2011 atingiu o montante de 78,4 mil toneladas de materiais de fricção produzidos.
O lucro bruto consolidado foi de R$ 138,9 milhões, oscilando 8,1% em relação a 2010, mas 11,7% superior a 2009. O lucro líquido consolidado ficou em R$ 44 milhões, representando oscilação de 9,0% sobre 2010, porém, evolução de 9,8% sobre o ano de 2009. Os números refletem a forte pressão nos custos de produção ocorrida em 2011, principalmente por aumentos de preço em matéria-prima, energia e gastos gerais de fabricação. As taxas cambiais dos primeiros 9 meses do ano também influenciaram no resultado operacional, assim como a dificuldade em repassar preços na mesma proporção recebida nos insumos. Da mesma forma, itens não recorrentes, relacionados à implantação do ERP da SAP, influenciaram no desempenho do lucro e das margens.
No final de 2011, a Companhia informou ao mercado a aquisição da empresa Freios Controil Ltda, localizada em São Leopoldo (RS), que atua na fabricação de autopeças, componentes para freios e soluções para polímeros automotivos. Com a aquisição, a Fras-le ampliou e diversificou o seu portfólio de componentes para freios, além de agregar soluções para polímeros automotivos. A Fras-le assumiu efetivamente o controle e gestão da empresa em janeiro de 2012.
Segundo Daniel Raul Randon, diretor-presidente e de relações com investidores da Fras-le, o ano de 2012 será igualmente desafiador, tanto no mercado doméstico onde despontam investimentos consideráveis em infraestrutura, como também as incertezas do mercado externo. Este cenário realça o compromisso da empresa chegar cada vez mais próxima da sua visão que é Ser uma empresa global, com faturamento de 1 bilhão de reais até 2013, com sustentabilidade.  “Internamente estamos prontos a continuar dando respostas rápidas e eficientes aos nossos clientes, especialmente a partir da implantação do novo ERP (SAP), com o “go live” ocorrido no último trimestre de 2011. Trata-se de um arrojado sistema de controle de processos e de informações, que se torna em mais um aliado da gestão, sustentando as estratégias de crescimento da Fras-le”, afirma Daniel Randon.

Banner
Banner

 

Site Login