Empresários apostam em recuperação econômica neste 2º Semestre

tiex_fabio.jpgEmpresários apostam em recuperação econômica neste 2º Semestre
 
Segundo Fábio Yamamoto, sócio da Tiex, empresa de consultoria e gestão corporativa, Empresas preevem  retomada da economia e planejam novas metas para 2017. De acordo com a pesquisa realizada pelo Datafolha em julho passado, o brasileiro está mais otimista com o governo interino e o grau de confiança do na economia chegou a 98 pontos, sendo considerado o melhor índice desde dezembro de 2014.


Para Fábio Yamamoto, sócio da Tiex, empresa de consultoria e gestão corporativa, algumas empresas estão considerando a possibilidade de retomar os investimentos e as atividades econômicas ainda em 2016 e, mesmo que timidamente, estão projetando uma recuperação no segundo semestre desse ano. “Pouca coisa mudou no cenário econômico, os índices de desemprego ainda estão altos, perdemos o grau de investimento e levará tempo para recuperá-lo, mas nota-se certo otimismo nas empresas e nos consumidores”, diz Fábio.
Ainda de acordo com o IDC (Índice Datafolha de Confiança), a probabilidade do avanço da economia brasileira em 2016 passou de 78 pontos em fevereiro, para 112 em julho, e a esperança de que a economia vai melhorar passou de 14% em abril de 2015 para 38% em julho de 2016. O IDC classifica índices acima de 100 pontos positivos.
“Parece otimista demais e realmente é, contudo pode ser o momento ideal para aproveitarmos a fagulha de esperança e otimismo e iniciar esse circulo virtuoso, onde a confiança leva ao investimento, que leva ao aquecimento da economia e aumenta a oferta de novos empregos, que assim injetará mais capital na economia e resultará em estabilidade, reduzindo custos e aumentando mais a confiança do brasileiro”, comenta Fábio.
Se confirmado o novo governo, há um grande desafio pela frente. Além da missão de recuperar a situação econômica do país, o governo não poderá deixar passar a oportunidade de euforia, confiança e otimismo dos brasileiros. “Claro que ainda assim existem muitos setores do empresariado brasileiro e boa parte da população bastante pessimista e com medo, mas a criação de um cenário positivo e político poderá contagiar esta parcela do país e realmente nos levar a um novo ciclo de prosperidade.” finaliza Yamamoto.
 
Sobre Fábio Yamamoto - Sócio responsável pelos setores de Auditoria e Controladoria. Bacharel em Ciências Contábeis pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP), habilitado no Cadastro Nacional dos Auditores Independentes do Conselho Federal de Contabilidade (CNAI/CFC), e com 18 anos de experiência nas áreas de controladoria, auditoria e finanças, traz em seu histórico profissional passagens por grandes empresas como Tivit, CNEC WorleyParsons e Grupo Serveng, além de ter atendido, através da PricewaterhouseCoopers, grandes grupos como Votorantim, Pirelli, Rhodia, Bradesco, entre outros.
 
Sobre a TIEX - Formada por três sócios com experiências em empresas multinacionais de grande renome, entre elas, Tivit, Construcap, DASA, Deloitte, Grupo Serveng,PricewaterhouseCoopers. Lucas Hanashiro é sócio responsável por todo o setor Tributário, Samuel Lopes é o sócio responsável pelas áreas de Tesouraria, Administrativa e Projetos de BNDES e Fabio Yamamoto é o sócio responsável pelos setores de Auditoria e Controladoria. A TIEX iniciou suas operações em maio de 2013, proporcionando assessoria financeira,gestão corporativa e planejamento completo a seus clientes. Atualmente atende clientes como a Paramount Têxteis, Companhia Brasileira de Cartuchos, IsoluxCorsán,Itaim Iluminação, Neovia, AFUPM entre outros.
 
 
flotereschauff

Banner
Banner

 

Site Login