energia

Tramontina amplia planta de materiais elétricos

05/07/2017 - Tramontina amplia planta de materiais elétricos
 
tramontina_planta.jpgNovo pavilhão industrial permitirá aumentar a produção em até 40%. Projeto priorizou conceitos importantes de sustentabilidade, como iluminação natural, captação da água da chuva e conforto térmico.
 
A Tramontina acaba de concluir a ampliação da sua planta de materiais elétricos, localizada no município de Carlos Barbosa, no Rio Grande do Sul, com a anexação de um novo pavilhão industrial de 12 mil m². A expansão permitirá à empresa trabalhar com dois pavilhões especializados – um em plástico e o outro em alumínio, e assim aumentar a produção em até 40%.
 
O projeto do novo pavilhão priorizou alguns conceitos importantes de sustentabilidade e boas práticas ambientais, como a iluminação que, além das luminárias de LEDe das placas prismáticas, recebeu um sistema automático de abertura das janelas, de forma a priorizar a iluminação natural. Outro cuidado foi a inclusão de jardins internos e externos, e a instalação de piso de madeira em algumas áreas da produção coma finalidade de levar conforto térmico aos colaboradores nos dias mais frios da serra gaúcha.

O novo pavilhão ainda se beneficiará de outros projetos de sustentabilidade já implantados na fábrica, caso da cisterna que capta água da chuva e possui capacidade de 540m³, e das placas de fechamento lateral com características termoacústicas. O direcionamento do calor gerado pelos compressores para a área produtiva também é um diferencial da nova instalação.

A unidade de materiais elétricos da Tramontina soma mais de 40 anos de experiência na produção e comercialização de uma gama de tomadas, placas e interruptores, além de produtos eletrônicos, que são sensores de presença, minuterias e variadores de luminosidade, e todos os itens necessários para a instalação elétrica, como conduletes, eletrodutos e acessórios, extensões, caixas de embutir, canaletas e aparelhos à prova de tempo. A fábrica, que não para de crescer, em 2016 entrou no segmento de disjuntores e quadros de distribuição.

Tramontina, o prazer de fazer bonito
A Tramontina acredita que tudo o que é feito com carinho é especial. Por isso, gosta tanto do bem-estar que as pessoas sentem quando preparam algo com as próprias mãos, quando a receita dá certo, quando veem o jardim florido ou a bicicleta do filho consertada. Essa filosofia nasceu há mais de 100 anos com Valentin Tramontina em sua pequena ferraria.  Ainda hoje é mantida pela empresa, honrando os valores pelos quais foi criada e estimulando seus 7 mil funcionários para que os consumidores tenham um mix de mais de 18 mil itens entre utensílios e equipamentos para cozinha, eletros, ferramentas para agricultura, jardinagem, manutenção industrial e automotiva, construção civil, além de materiais elétricos e móveis de madeira ou de plástico, além da ampla linha de equipamentos dirigíveis. A Tramontina tem, nos Centros de Inovação, Pesquisa e Desenvolvimento, um valioso suporte. Os parceiros de mercado também podem contar com cinco centros de logística e cinco escritórios regionais de vendas no Brasil para satisfazer, com agilidade, os seus clientes. Além disso, uma atuação sustentável faz com que a Tramontina faça bonito também em suas comunidades e no cuidado com o meio ambiente, valores que acompanham a marca no Brasil e nos diferentes continentes onde está presente com 11 unidades internacionais. Hoje, a Tramontina exporta para mais de 120 países. Tudo isso nos motiva. Um prazer estampado com orgulho no que a gente faz. Que nos faz criar, fazendo a diferença para a marca e seus consumidores. Esse é o nosso prazer de fazer bonito.

Saiba por que a Eletrik faz bonito
Fundada em 1976, na cidade de Carlos Barbosa (RS), a Tramontina Eletrik oferece o melhor em segurança, design e soluções técnicas em materiais elétricos para instalações residenciais, comerciais e industriais. Nos últimos anos, a empresa vem aplicando sua expertise de 40 anos na ampliação de seu portfólio e investindo no lançamento de linhas de produtos em novos segmentos, como disjuntores e quadros de distribuição, além de divisões dedicadas aos setores de atmosferas explosivas e injeção de alumínio sob encomenda. Seu moderno parque fabril ocupa uma área construída de 40 mil m2, conta com 13 células de injeção de alumínio e 18 de injeção de plástico, e possui capacidade instalada para processar 3.000 toneladas/ano de alumínio e outras 3.000 toneladas/ano de plástico, estando apta a fabricar mais de 7 mil itens dentro dos mais altos padrões de qualidade e precisão, sempre com matérias-primas certificadas. Desempenho, segurança e estética estão alinhados em todos os produtos para que o consumidor possa fazer bonito ao utilizá-los.

Foto: divulgação
Via Pública Comunicação

Site Login